Este espaço tem o propósito de divulgar assuntos referentes à nutrição e terapias complementares para individuos que desejem vivenciar o uso destas práticas em sua vida.

DIVAS É HORA DE SE PREPARAR PARA O VERÃO!!!

DESCUBRA PORQUE VOCÊ VIVE DE DIETA E NÃO EMEGRECE
Como anda sua rotina alimentar?
* Já cortou todas as calorias e ponteiro da balança não sai do lugar? Será maldição genética? Perseguição divina? Olho gordo das inimigas? Nada disso, minha cara, é provável que você mesma esteja sabotando seus planos de ficar em forma.
- Para tirar a prova, vá até a cozinha e abra a geladeira: tem refrigerante? Maionese? E na despensa? Achou leite condensado? Salgadinho?

* Ei, garota, não tente disfarçar. É justamente quem precisa emagrecer que mais consome alimentos calóricos, segundo um surpreendente levantamento da LatinPanel, empresa do grupo Ibope, que mostra ainda que 42% das brasileiras estão acima do peso. Além disso, puxe pela memória: você repetiu o prato? Beliscou bombons enquanto via América? Por que esse interrogatório? Para verificar se você mantém hábitos engordativos.

Selecionamos os principais deslizes que ameaçam sua luta contra a balança e pedimos à nutricionista Cynthia Antonaccio, da Equilibrium Consultoria em Nutrição e Bem-Estar, que neutralizasse cada um deles. Siga as orientações dela, depois comemore os resultados. Desta vez vai!

* Blitz no carrinho do supermercado
Uma limpeza daquelas na sua lista de compras pode erradicar alguns itens prejudiciais ao seu plano de entrar em forma.
- Refrigerante
De acordo com a pesquisa, mulheres acima do peso consomem 20% mais refrigerante do que as que mantêm a linha. E mesmo a versão light é um obstáculo se você quer emagrecer. "Além do açúcar, contém elementos químicos que se acumulam no organismo e intensificam a retenção hídrica", explica Cynthia. "A melhor pedida para perder peso é beber água", diz. Difícil largar o vício? Comece aos poucos. "Primeiro, substitua parte da bebida por chá ou sucos diluídos. Daí, diminua a quantidade até chegar a, no máximo, três copos por semana."

- Leite condensado
Quem nunca mamou numa latinha? Porém, se você quer ficar leve, isso não pode acontecer - as cheinhas usam 20% mais esse alimento do que as magras. Cada colher (sopa) da guloseima tem 49 calorias, valor que cai quase nada na versão desnatada: 41. Usar qualquer um dos dois está fora de cogitação. "Prefira iogurte desnatado e adoçante para preparar as sobremesas", indica a especialista.

- Creme de leite
Mulheres com quilinhos sobrando têm 17% mais apetite por esse item que as esbeltas. "Tudo fica mais gostoso com ele, porém muito gorduroso". E, aqui, também não adianta aderir à versão light. "Melhor trocar pelo próprio suco da carne ou dos vegetais no caso de pratos salgados. Nas sobremesas, substitua por leite em pó e gelatina."

- Óleo
Se você quer exibir curvas de arrasar, precisa parar de abusar de fritura - a pesquisa mostra que as gordinhas usam 16% mais óleo do que deveriam."E azeite também entra nessa categoria "Apesar de saudável, ele tem 9 calorias por grama. Por isso, colocar meia garrafa sobre a salada faz o ponteiro da balança subir." Manere.

- Maionese
Garotas que têm fofura de sobra ingerem até 75% mais desse alimento que a média. "A maionese é saborosa, e também muito gordurosa." Para piorar, está quase sempre associada a lanches, contra-indicados se a intenção é emagrecer. A solução: tirar de vez esse produto do cardápio.

- Salgadinhos
Eles estão presentes em 66% das despensas de quem está acima do peso!
Pode? Não, não pode. "Salgadinhos induzem a um comportamento compulsivo. Ninguém abre um saco de batata frita e come só três." Além do Sódio causar retenção de líquidos. Para beliscar, prefira castanhas, e, no máximo, 03 unidades por dia.

* Combata os comportamentos prejudiciais às curvas
Agora chegou a vez de dar uma garfada nos pecados alimentares. Segundo a pesquisa, quem está acima do peso apresenta estas atitudes:
- Não presta atenção no que come
86% delas não dão a mínima ao rótulo dos produtos. "É lendo a embalagem que você terá consciência daquilo que come”.

- Não faz atividade física
Só 49% das garotas que querem emagrecer suam o top. Acontece que fazer alguma atividade física regular é essencial para a dieta funcionar. Além de queimar calorias, ela ajuda a acelerar o metabolismo. Não tem pique para ir à academia? Aposte na caminhada ou descubra outro exercício que proporcione prazer.

- Belisca o tempo todo
Fazer um lanche é diferente de passar a tarde mastigando, hábito de 68% das mulheres que resmungam diante do espelho. "Nesse caso, você não come porque está com fome, e sim por tédio, ansiedade...". Distraia a mente com outras atividades, como esporte, e eleja horários fixos para se alimentar.

- Não abre mão da sobremesa
Esse é um comportamento de 66% das mulheres acima do peso. "A sobremesa costuma ter quase as mesmas calorias de uma refeição. Um petit gateau com sorvete, por exemplo, soma 600 calorias - o equivalente a um almoço! "Opte por fruta e não exagere. Cada fatia vale cerca de 60 calorias.

- Repete o prato
"Assim você dobra o número de calorias da refeição, não importa o menu." Truque para largar essa atitude de 55% das gordinhas: não trazer as travessas para a mesa. "Se precisar ir até a cozinha, talvez desista no caminho."

- Alimenta-se apenas uma ou duas vezes por dia
Esse costume ataca 48% das mulheres que sonham em ficar mais leves. "Quem faz várias refeições domina melhor a fome e as porções que ingere."

- Janta vendo tevê
O problema aqui, comum a 55% das rechonchudas, é o fato de não se concentrar na comida. "O cérebro não registra e o consumo de alimento não consegue saciá-la.
Faça das refeições um momento especial - longe da tevê!

- Exagera no preparo
Fazer comida só para dois é difícil? Execute a receita de quatro porções e congele metade. Senão, a vontade de limpar a panela fica irresistível, prática de 22% das fofinhas.

* Confira os hábitos que engordam
Veja ainda se você não está cometendo algum dos erros abaixo:

- Deixar que o stress tome conta de você
"O stress emocional provoca stress físico", afirma o nutrólogo Antonio Elias de Oliveira. Com isso, o corpo passa a reter mais líquido e a ansiedade aumenta, deixando você com aquela vontade incontrolável de comer doces. O jeito é reservar um momento para relaxar.

- Supervalorizar a contagem de calorias
Tão importante quanto a matemática é a escolha dos alimentos. "Quem não adota uma dieta balanceada com proteínas, carboidratos, fibras e pouca gordura tem mais dificuldade para emagrecer". Ou seja, se ficar com uma porção de batatas fritas só porque ela tem o mesmo tanto de calorias que um prato com grelhado, salada e arroz, não verá resultado tão cedo.

- Fazer uma dieta espartana para compensar o sedentarismo
Erro 1: comer pouco. Se você se alimenta mal, o corpo estoca energia em vez de gastar e o ponteiro da balança não desce.

Erro 2: sedentarismo. Depois de um tempo de dieta, o peso pode se estabilizar, mesmo antes de chegar ao ideal. A atividade física não deixa que isso aconteça.
Fonte: Caderno Mulher

* Ei, o verão está chegando e claro que você quer estar uma Diva na praia ou na piscina... Portanto mãos à obra, vamos começar agora uma REEDUCAÇÃO ALIMENTAR, para aprender a comer melhor e vamos também associar à rotina diaria as TERAPIAS COMPLEMENTARES, como:  Floral, Fitoterapia, PNL e outros para ajudarem no processo da ansiedade e continuidade até alcançarmos o objetivo.
Então, ligue e marque sua consulta!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário